Um homem de 46 anos que se encontrava evadido, há três anos, de um estabelecimento prisional em Bordéus, França, foi detido em flagrante, quando assaltava uma residência na Lousã, anunciou a GNR.

De acordo com um comunicado da GNR, o detido, de nacionalidade portuguesa, foi surpreendido na tarde de sexta-feira por militares do Posto Territorial da Lousã a abandonar a casa, na posse de várias peças de ourivesaria, um guarda-jóias e uma máquina fotográfica.

O suspeito foi perseguido por terrenos agrícolas anexos à moradia e acabou detido, tendo os objetos furtados sido recuperados e entregues à proprietária.

A GNR adianta que o homem entrou na residência com o auxílio de um pé de cabra, através do arrombamento de janela de um dos quartos.

O homem foi este sábado presente a tribunal, estando a ser ouvido para determinação de eventuais medidas de coação.