Dois encapuzados, armados com uma espingarda, assaltaram ao final da manhã desta sexta-feira uma ourivesaria na rua principal da cidade do Cartaxo, não tendo sido disparado qualquer tiro, disse uma testemunha à Agência Lusa.

«Vi sair dois homens com um saco e alguns objectos até caíram no chão, que eles ainda andaram a apanhar antes de entrarem no carro, estacionado junto à ourivesaria, e que depois arrancou em grande velocidade», contou à Lusa Fernando Guedes, proprietário de uma drogaria situada em frente à loja assaltada.

O comerciante, que se apercebeu de «uma grande agitação», que o levou a pensar que se tratava de «uma briga», disse que se preparava para ir apoiar o colega, mas viu a espingarda apontada para si e ficou «apavorado».

O proprietário da ourivesaria, preparava-se para encerrar a loja para o almoço quando foi surpreendido pelos assaltantes que terão levado um saco com ouro e jóias.

A PSP esteve no local, bem como a Polícia Judiciária.