A GNR anunciou esta quarta-feira a detenção em flagrante delito, na Lousã, de três homens por arrombamento e furto de tabaco e dinheiro num estabelecimento comercial desta vila do distrito de Coimbra.

Com idades entre os 26 e os 44 anos, os intrusos foram surpreendidos por militares do Posto Territorial da Lousã da GNR, depois de um popular ter alertado para sua presença dentro do café.

Foram apreendidos um veículo, 233 euros e várias ferramentas utilizadas no arrombamento”, revela em comunicado o Comando Territorial de Coimbra da GNR.

Uma fonte da GNR disse à agência Lusa que os suspeitos, oriundos do Grande Porto, “já tinham furtado 146 maços de tabaco e mais de 200 euros que estavam na máquina”, tendo sido conduzidos ao início da tarde ao Tribunal da Lousã para interrogatório judicial.

Sobre os três homens “recaem fortes suspeitas da prática de diversos furtos idênticos noutras zonas do país”, acrescentou.

Todos os arguidos vão aguardar julgamento em liberdade, sujeitos a termo de identidade e residência, segundo a mesma fonte.