Operação Globo

"É preocupante a falsificação, mas também é preocupante a fraude. O que temos aqui na nossa presença são produtos que são adquiridos sem o consumidor ter a consciência de que eles são falsificados", referiu o inspetor da ASAE.




"A partir daí, tivemos a informação de que, a 24 março, chegaria outra importação. Rapidamente conseguimos estabelecer contacto com Espanha [Corpo nacional de Polícia], informando que iria entrar no porto de Barcelona uma importação de rolamentos", adiantou.






"O facto é que através desta proximidade e desta relação com a polícia espanhola, que nos permite partilhar informação online, conseguimos estes resultados, impedindo a introdução no mercado e recolhendo este tipo de produtos falsificados. No espaço de um mês conseguimos interromper um circuito de importação que julgamos que já dura há algum tempo", concluiu.


"Mas, também estes rolamentos aplicados na indústria automóvel, aeronáutica, ascensores e outros estão aqui. Consequentemente está não só aqui um problema económico e também um problema muito sério de segurança dos equipamentos", disse.


"Trabalhando juntos podemos fazer frente a este problema", concluiu.