O Ministério Público está a investigar alegadas irregularidades financeiras e corrupção na Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, no Alto da Ajuda, comunicou esta terça-feira a Procuradoria-Geral da República (PGR) à agência Lusa.

«Encontra-se pendente um inquérito no DIAP», refere a resposta da PGR à Lusa.

A PGR acrescenta que o inquérito «está em investigação e encontra-se em segredo de justiça».

Na edição online, o Expresso noticiou esta terça-feira a realização de buscas àquela faculdade da Universidade de Lisboa, na segunda-feira, referindo que a PJ recolheu documentos, material contabilístico e cópias dos discos rígidos dos computadores.