A PSP anunciou a detenção de 17 pessoas e apreensão de 38 armas no âmbito de uma operação de fiscalização realizada em todo o país junto de armeiros, pirotecnias e locais de emprego de explosivos.

Em comunicado enviado à Lusa, a Polícia de Segurança Pública adianta que durante a operação, denominada “armex”, foram também detetadas 67 infrações, a maioria relacionada com a renovação e caducidade de licenças, e a apreendidas 1.067 munições, maioritariamente de caçadeiras.

Segundo a PSP, 28 das 38 armas apreendidas eram caçadeiras.


Artigos pirotécnicos são muito requisitados na época das festas populares


Durante a operação de 24 horas, que se realizou na passada quinta-feira, a PSP apreendeu ainda 21.595 artigos pirotécnicos, nomeadamente rastilho, cordão detonante, detonadores, ligadores.

A PSP refere também que no âmbito da operação foram fiscalizadas 18 pedreiras, 33 armeiros, nove pirotecnias, dois estanqueiros e uma fábrica.

No comunicado, a Polícia diz ainda que vai manter “um elevado nível de fiscalização nesta área operacional” para garantir “o correto uso e manuseamento de todos os compostos e derivados de explosivos”, tendo em conta os cuidados a ter no porte e uso de armas de fogo para diminuir o número de acidentes com este tipo de matérias sensíveis.