O homem suspeito da tentativa de homicídio da sua companheira, uma mulher de 39 anos, em Cascais, e que foi detido pela Polícia Judiciária, ficou em prisão preventiva, por decisão judicial.

Na quarta-feira passada, o homem, de 49 anos, terá atingido a tiro a sua companheira, após desavenças, numa casa em Cascais. A mulher ficou ferida e foi conduzida a um hospital, mas não corre perigo de vida.

A arma usada estava em situação ilegal, pelo que o homem é ainda suspeito de detenção de arma proibida.