A Polícia Judiciária apreendeu anteontem, nos mares da Madeira, uma traineira com cerca de 1300 quilos de cocaína a bordo. A embarcação, registada em Peniche, foi conduzida para o porto do Caniçal.

Na sequência da operação, foram detidas sete pessoas. Depois de ouvidas por um tribunal da Madeira, os indivíduos ficaram em prisão preventiva no estabelecimento prisional do Funchal.

A droga terá sido transportada em alto mar a partir de outra embarcação. A informação oficial ainda não foi divulgada pela PJ, que alega que o processo de investigação ainda não está concluído. Essa informação deverá acontecer apenas amanhã, quinta-feira, em Lisboa, para onde será também transportada a droga apreendida.

A traineira denominada de "Miguel dos Santos", encontra-se neste momento do porto do Caniçal à guarda do tribunal, enquanto decorrem os trâmites legais.
 
Esta é a segunda grande apreensão de cocaína num espaço de uma semana pela Policia Judiciária. Na passada quinta feira, foram apreendidos 327 quilos de cocaína nos Açores e foram detidas cinco pessoas.

Ontem, soube-se também que a polícia espanhola apreendeu 600 kg do mesmo estupefaciente num veleiro perto dos Açores, que seguia em destino à Galiza. Os dois tripulantes da embarcação foram detidos.