A GNR de Braga apreendeu hoje 1530 doses de heroína e 400 de cocaína numa investigação de combate ao tráfico de droga, tendo sido detidas dez pessoas, dos 37 aos 58 anos, entre elas um advogado.

Em comunicado, o Comando Territorial de Braga da GNR acrescenta que foram efetuadas 18 buscas domiciliárias em Braga, Guimarães Vieira do Minho, Famalicão e Lousada, entre as 07:00 e as 15:00, que levaram ainda à apreensão de um montante de 7.700 euros, duas armas de fogo, 16 telemóveis e dois automóveis.

Entre os dez acusados encontram-se duas mulheres, bem como o advogado, um comerciante e um feirante. A profissão dos restantes sete é desconhecida, segundo informações desta força policial.

A operação foi conduzida pelo Núcleo de Investigação Criminal e os suspeitos vão ser apresentados esta sexta-feira ao Juiz de Instrução Criminal, no tribunal de Guimarães, pelas 14:00, para que lhes sejam administradas as medidas de coação adequadas.