A GNR anunciou a apreensão de mais de duas toneladas de amêijoa japónica, avaliadas em cerca de 16 mil euros, em ações de fiscalização que decorreram nos concelhos da Moita e de Palmela.

"Os militares Destacamento de Controlo Costeiro de Lisboa apreenderam na zona de Palmela e Moita, um total de 2.270 quilogramas de amêijoa japónica, com o valor presumível de 15.890 euros", refere a Guarda Nacional Republicana em comunicado.

Na Moita, a GNR detetou que o infrator não se encontrava licenciado para a prática de apanha de bivalves nem se fazia acompanhar do documento de registo obrigatório aquando do seu transporte, tendo sido apreendidos 600 quilogramas de amêijoa.

Na zona de Palmela, os militares detetaram vários infratores a efetuarem o transporte de bivalves em viaturas, não se fazendo acompanhar do respetivo documento de registo obrigatório, nem estando licenciados para a prática de apanha de bivalves, tendo sido apreendidos um total de 1.670 quilogramas de amêijoa.

"Foram identificados os infratores e elaborados os respetivos autos de contraordenação. Os bivalves, por se encontrarem vivos, foram devolvidos ao seu habitat natural", concluiu.