Um avião da TAP foi, esta sexta-feira, obrigado a regressar ao aeroporto da Portela, em Lisboa, depois de ter sido detetado um problema no sistema hidráulico. O aparelho tinha descolado da Portela às 14:04, rumo a Luanda, com 279 passageiros a bordo, e estava de volta às 15:30, de acordo com informação avançada por fonte da companhia aérea à TVI.

A mesma fonte ressalva que não se tratou de uma aterragem de emergência, mas sim de «um regresso à base», depois de «o sistema de bordo ter detetado um problema no sistema hidráulico». «Por precaução, o piloto resolveu voltar para trás», explicou António Monteiro, porta-voz da TAP.

O avião está a ser avaliado pela manutenção da TAP para se saber se a avaria é de fácil resolução e o aparelho pode viajar ainda hoje para Luanda. Enquanto isso, os passageiros aguardam no aeroporto.