"Projecto Matilha"



cães gigantes

"Todos os cães têm uma história e todos existem. Todas as histórias são verdadeiras. Infelizmente, temos um mundo muito rico de histórias para contar, seja por perderem muito pelo, por se babarem muito ou porque apareceu um bebé e já não podem coexistir os dois seres. Representamos sempre a realidade", explica Catarina Dias.




"Esta parede foi talvez das primeiras que comecei a pintar. Nesta altura, tinha ideia de contar às pessoas histórias reais do melhor amigo do homem, fosse ele animal racional ou irracional. Histórias felizes e histórias menos felizes", revelou Ricardo Romero.




O objetivo "primordial" do "Projecto Matilha" é "chamar a atenção das pessoas para a causa animal e até mesmo para causas sociais e flagelos da sociedade", porque, "ninguém passa indiferente a estas peças", frisa Ricardo Romero. que não assina os desenhos. "Só isso, já obrigava as pessoas a terem curiosidade sobre o que esse estava a passar".