A jornalista da TVI Ana Leal ganhou, pelo segundo ano consecutivo, o prémio "Direitos Humanos e Integração" da UNESCO, na categoria de televisão.

Ana Leal foi premiada pelo conjunto de quatro reportagens "Love You Mom", com imagem de Nuno Quá e edição de Miguel Freitas, sobre as adoções forçadas no Reino Unido. 

Foi a partir da denúncia de pais portugueses que viram os seus filhos serem-lhes retirados que a investigação de Ana Leal se desenvolveu.

Ao longo de quatro reportagens, a repórter da TVI denuncia cumplicidades e interesses de negócio no mundo das adopções, trabalho que teve já consequências, quer no Reino Unido quer em Portugal.

Depois de "Love You Mom", são já hoje mais os pais portugueses com coragem para denunciar o caso das adopções forçadas em Inglaterra.

No ano anterior, Ana Leal ganhou este prémio com a reportagem "Até Voares", que conta a história de um homem que não acredita em "pessoas más".