A Câmara de Almada vai oferecer o filme "Papel de Natal" ao secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, esta sexta-feira, na Cimeira dos Eleitos Locais, em Paris, disse Catarina Freitas, do departamento de Energia da autarquia portuguesa.

"No dia 4, na conferência dos líderes locais, vamos oferecer este filme e a mensagem que ele traz - uma mensagem de defesa de todas as florestas do mundo - ao senhor secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon", explicou, em Paris, a diretora do Departamento de Energia, Clima, Ambiente e Mobilidade da Câmara de Almada.

A Cimeira dos Eleitos Locais vai decorrer no Hôtel de Ville de Paris (edifício sede da Câmara), à margem da Cimeira do Clima (COP21), e vai reunir autarcas e líderes locais de todo o mundo, num evento presidido pela presidente da Câmara de Paris, Anne Hidalgo, e pelo enviado especial das Nações Unidas para as Cidades, Michael Bloomberg.

O filme de animação, do realizador José Miguel Ribeiro, "mostra que há várias alternativas para celebrar o Natal usando menos papel", continuou Catarina Freitas, sublinhando que o título da película, "Papel de Natal", "pode ter várias leituras, uma delas é o papel que cada um deve ter na mudança".

"É um filme de animação com imagens reais, que são filmadas em Almada e em que se alerta para o consumo desenfreado que existe no Natal, muitas vezes com ofertas e presentes e papéis de embrulho que são muito efémeros. É aquela noite e depois vão para o lixo. Foi com esta ideia que se tentou deixar uma mensagem de alerta para outro tipo de atitude para viver o Natal", descreveu Catarina Freitas à Lusa.

Catarina Freitas está em Paris para a COP21, onde apresentou, esta terça-feira, no Pavilhão das Cidades e Regiões, o projeto MultiAdapt de adaptação às alterações climáticas, a convite da organização mundial "Governos Locais pela Sustentabilidade" (ICLEI).

O ICLEI agrupa "mais de mil cidades de todo o mundo", incluindo Almada e mais seis municípios portugueses, e vai, também, aproveitar a Cimeira dos Líderes Locais em Paris para apresentar a Ban Ki-moon uma "declaração comum" para sublinhar o papel das cidades na adaptação e mitigação das alterações climáticas, explicou à Lusa o secretário-geral do ICLEI, Gino Van Begin.