Várias viaturas ficaram  esta segunda-feira soterradas, no concelho de Resende, na sequência de um aluimento de terras que derrubou uma parede e invadiu uma garagem, disse fonte dos bombeiros voluntários locais.

De acordo com o comandante dos Bombeiros de Resende, Sérgio Monteiro, "não há conhecimento de feridos, registando-se, no entanto, vários danos materiais no interior da garagem", situada na Avenida Doutor Correia Pinto, em Caldas de Aregos.

"As garagens pertencem a um prédio com vários apartamentos, mas estão separadas e ficam junto a um campo de cultivo. Com a chuva que tem caído, o terreno aluiu, deitou abaixo uma parede e a terra entrou na garagem, soterrando várias viaturas", descreveu.


Sérgio Monteiro esclareceu que ainda não foi possível apurar o número de exato de viaturas que ficaram soterradas, contabilizando-se para já cinco carros, uma moto de água e um barco.

"Esta é uma zona turística, provavelmente com viaturas de férias, o que torna mais difícil ter a certeza do que está", concluiu, em declarações à Lusa.