A campanha de verão 100% Cool concluiu que os jovens portugueses bebem cada vez menos álcool quando vão conduzir e cada vez mais elegem um deles para levar o carro, anunciou este domingo a organização da iniciativa.

«Os jovens condutores portugueses fiscalizados no âmbito das campanhas 100% Cool deste verão, realizadas no âmbito das operações da Guarda Nacional Republicana, mostraram estar cada vez mais conscientes da importância de não consumir álcool quando vão conduzir, ou de o fazer de forma moderada», refere um comunicado da Associação Nacional de Bebidas Espirituosas (ANEBE).

A campanha 100% Cool, que se realiza desde 2000, fiscalizou 316 jovens em cinco ações, noturnas e diurnas, em Albufeira e Vilamoura, no Algarve, entre 02 e 24 de agosto. Destes, 220 não revelaram álcool no sangue ou estavam a conduzir dentro dos limites legais.

Esta situação «reforça os padrões de descida no consumo de álcool por parte dos condutores portugueses com idades entre os 18 e os 30 anos», salienta a ANEBE.

Por outro lado, «assistimos este ano a um fenómeno crescente e muito positivo, que é o de grupos de jovens que saem juntos e elegem um deles como condutor, que pura e simplesmente não consome bebidas alcoólicas», explica o secretário-geral da ANEBE, Mário Moniz Barreto, citado no comunicado.

Para o responsável, «isto revela uma consciência muito saudável sobre os perigos de juntar o consumo de álcool à condução».

A campanha 100% Cool procura evitar a repressão e aposta na educação, motivação e responsabilização dos jovens para um consumo moderado de álcool.

A iniciativa centra-se nas brigadas constituídas por jovens que se deslocam aos locais de diversão noturna para sensibilizar para o consumo moderado de álcool, realizar testes de alcoolemia e premiar simbolicamente os jovens com 0% de álcool.