O jovem de 17 anos detido na terça-feira em Lisboa por suspeita de ter agredido com gravidade um homem de 20 anos, deixando-o em coma, ficou em prisão preventiva, disse esta quinta-feira à Lusa fonte da PSP.

Segundo informação da polícia, o incidente ocorreu na madrugada de sábado passado, quando, após «desentendimentos», a vítima foi agredida «à pedrada e esfaqueada cerca de oito vezes por vários suspeitos», na Travessa Fiéis de Deus, Bairro Alto.

A detenção do jovem de 17 anos foi a única anunciada até ao momento.

A vítima ainda se encontra em coma no Hospital de São José, em Lisboa, referiu esta tarde a mesma fonte. A unidade de saúde escusa-se a prestar informações sobre o doente.