A menina de 12 anos resgatada no sábado do rio Lima, em Ponte de Lima, mantém-se internada no Centro Hospitalar de S. João, no Porto, em estado grave, disse à Lusa fonte da unidade hospitalar.

A criança e a sua irmã de 20 anos, que acabou por morrer afogada, encontravam-se no rio Lima, junto à Capela de S. João.

Segundo apurou a TVI, a irmã mais velha tentou salvar a mais nova.

De acordo com informação disponibilizada pelo Comando Distrital de Operações de Socorro de Viana de Castelo à agência Lusa, o alerta foi dado às 17:48 de sábado.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima, Carlos Lima, avançou que, depois de resgatadas do rio, as duas raparigas foram transportadas em manobras de reanimação para o hospital local, tendo a mais velha acabado por morrer.

A mais nova foi transferida para o Hospital de S. João do Porto.