Seis aviões com destino à Madeira divergiram para outros aeroportos devido ao vento forte na zona de Santa Cruz, disse à agência Lusa uma fonte aeroportuária.

Dos seis aviões, quatro divergiram para a ilha do Porto Santo, um para Gran Canária e outro para Tenerife Norte.

Os voos eram procedentes do Porto, Lisboa, Bilbao, Birmingham e Nantes.

No Porto Santo, está desde quinta-feira um avião da easyJet oriundo de Edimburgo.

Segundo o departamento de Meteorologia no Aeroporto Internacional da Madeira, "os parâmetros do vento, por vezes, ultrapassam os limites, o que tem dificulta a aterragem" das aeronaves.