O taxista que atropelou uma mulher na sexta-feira e depois se despistou na Avenida 24 de Julho, em Lisboa, indo embater num poste, acabou por morrer no hospital, informou a Polícia de Segurança Pública (PSP).

O senhor foi transportado para o hospital, mas não resistiu e acabou por falecer pelas 21:00", adiantou à agência Lusa, o oficial de serviço do Comando de Lisboa da PSP.

Pelas 18:45, deu-se o acidente no sentido Cais do Sodré-Algés, junto do viaduto com a Avenida Infante Santo, quando o taxista, com idade compreendida entre os 50 e os 60 anos, atropelou uma mulher com 45 anos e, depois, despistou-se e embateu contra um poste.

Devido à forte colisão da viatura contra o poste, o condutor do automóvel entrou em paragem cardiorrespiratória.

Foi "bastante complicada" a sua reanimação, ainda assim com sucesso, segundo revelou então a PSP.

Porém, algum tempo depois, o homem acabou por morrer no hospital, enquanto a vítima do atropelamento ficou ferida sem gravidade e foi assistida no Hospital de São José.