Um homem, com cerca de 40 anos, morreu hoje após o parapente em que voava ter caído no mar, ao largo da costa norte de Sines, disse à agência Lusa o capitão do porto local.

O homem estava a voar na zona e o alerta para a queda do parapente no mar foi dado às 16:45, precisou o comandante da Polícia Marítima e capitão do Porto de Sines, José António Velho Gouveia.

Segundo o capitão, o homem já estava morto quando as autoridades o recolheram e o cadáver foi transportado para o Gabinete Médico-legal do Alentejo Litoral, situado no Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém.

As operações de socorro envolveram elementos e meios do Comando da Polícia Marítima, da Capitania do Porto e dos Bombeiros Voluntários de Sines.