Um trabalhador de uma obra dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) de Sintra morreu esta terça à tarde na Serra da Silveira na sequência da queda de um tubo, informou fonte dos bombeiros.

Segundo fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa, pelas 15:10 ocorreu «um acidente de trabalho numa obra na via pública, que vitimou um operário atingido pela queda de um tubo».

A vítima, com cerca de 30 anos, trabalhava para um subempreiteiro numa obra de saneamento e fonte oficial da Câmara de Sintra confirmou que a investigação para as causas do acidente «foram entregues às autoridades competentes».

O acidente deu-se nas obras de construção do sistema adutor principal dos SMAS de Sintra, entre os reservatórios do Alto de Carenque e das Mercês, que se destina a substituir a conduta de diâmetro de 1.000 milímetros, numa extensão de cerca de 9,5 quilómetros.

Na sequência do acidente foram mobilizadas duas viaturas de socorro dos Bombeiros Voluntários de Belas, uma viatura do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e uma unidade de apoio psicológico, adiantou a fonte do CDOS, noticia a Lusa.