A Polícia Judiciária (PJ) de Aveiro anunciou esta sexta-feira a detenção de um homem suspeito de ter abusado sexualmente de um menino, de 13 anos, seu vizinho.

"Os factos criminosos ocorreram numa freguesia de Ílhavo, apontando os indícios até ao momento colhidos pela investigação no sentido de os abusos sexuais terem perdurado regularmente desde o final do ano letivo transato", diz um comunicado da PJ.

Segundo a polícia, o arguido, de 47 anos, vive sozinho e não tem atividade profissional definida.

De acordo com a investigação, o suspeito terá aproveitado a relação de vizinhança com o rapaz para conseguir estabelecer afinidade com ele e assim obter a sua confiança.

A PJ refere que o arguido aliciou o menor com recurso a contrapartidas pecuniárias, para lograr a concretização dos seus desígnios libidinosos, conseguindo mesmo que a criança pernoitasse em casa dele, onde depois a sujeitava a práticas sexuais de natureza diversa.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.