A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 74 anos pela presumível prática de diversos crimes de abuso sexual de uma criança na ilha das Flores, Açores.

Em comunicado, o Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada da PJ informa que os alegados abusos terão começado em 2015, “quando a vítima, uma menina, tinha 9 anos de idade e perduraram até ao corrente ano”.

A PJ adianta que o suspeito se aproveitou do “ascendente que tinha sobre a criança para a molestar sexualmente, em razão de contextos de vizinhança e ocupacionais”.

Fonte da PJ adiantou à Lusa que “os abusos ocorreram em local de culto religioso e em espaços públicos”, sendo que o arguido, reformado, tinha “funções de coadjuvação em espaço religioso”.

A mesma fonte esclareceu que a denúncia “partiu de um familiar”.