Segundo a PJ, os crimes terão ocorrido entre março e julho, na zona de Carregal do Sal, distrito de Viseu, tendo sido vítima uma rapariga de 16 anos.

 

“Foi no ambiente familiar que a jovem estudante foi abusada sexualmente”, refere a PJ, em comunicado.

O homem, de 53 anos, foi presente a tribunal, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.