O Tribunal de Faro decretou hoje prisão preventiva ao homem de 37 anos que foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) na autoestrada A2, na posse de 22 quilogramas de haxixe, disse à Lusa fonte da PJ.

O suspeito, sem antecedentes criminais, viajava de Lisboa para o Algarve quando foi intercetado, na segunda-feira à tarde, por agentes da Diretoria do Sul da PJ na autoestrada do Sul A2, entre Almodôvar (Alentejo) e Messines (Algarve).

As autoridades suspeitam que o homem possa estar ligado a uma rede de tráfico internacional de droga e vão prosseguir com a investigação.

Além dos 22 quilogramas de haxixe, na posse do suspeito, a PJ apreendeu um automóvel, uma balança de precisão, vários telemóveis, uma arma elétrica «taser» de 900.000 volts e dinheiro, cujo montante não foi divulgado.

A operação que conduziu à detenção do suspeito contou com a colaboração do Destacamento de Trânsito da GNR.