Um homem de 54 anos foi colhido esta quinta-feira por uma composição do metro do Porto que circulava entre as estações da Trindade e do Bolhão, tendo sido retirado sem ferimentos, segundo fonte do INEM.

Em declarações à Lusa, fonte da Metro do Porto esclareceu que o homem entrou numa zona de acesso restrita, “totalmente proibida a peões e limitada com barreiras”.

Segundo a mesma fonte, a vítima foi transportada pelo INEM “sem qualquer ferimento e perfeitamente consciente” para o Hospital de Santo António, no Porto.

De acordo com o INEM, o homem foi levado para o hospital “apenas por uma questão de precaução”.

No local estiveram uma ambulância do Hospital de S. António, uma ambulância do INEM e uma mota de emergência médica.

O alerta foi dado às 15:56 e a circulação do metro esteve interrompida entre as estações de Campanhã e Bolhão, tendo sido normalizada cerca das 17:15.