Os emigrantes que entram em Portugal este domingo pela fronteira de Vilar Formoso, no concelho de Almeida, distrito da Guarda, estão a ser recebidos com conselhos sobre segurança rodoviária, folhetos informativos e alguns brindes publicitários.

Nesta fronteira decorre no fim de semana a campanha de segurança rodoviária "Sécur'été - verão em Portugal", dirigida aos portugueses e lusodescendentes, residentes em França, que se deslocam de carro a Portugal durante as férias de verão, organizada pelo 15.º ano consecutivo pela associação Cap Magellan.

A campanha tem como objetivo contribuir para a redução do número de acidentes durante os trajetos longos. Contou, de manhã, com a participação dos secretários de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, e das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro.

Jorge Gomes e José Luís Carneiro deram as boas vindas aos emigrantes que entraram em Portugal pela principal fronteira terrestre e apelaram aos cuidados na estrada: "Boa viagem e [conduzam] com muito cuidado. Boas férias".

GNR em Burgos

O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, disse aos jornalistas que o Governo pretende que os emigrantes "cheguem bem" ao seu destino, que "gozem as férias "com tranquilidade" e que regressem aos países de acolhimento "de forma segura".

Referiu que este ano foram colocados elementos da GNR em Burgos, onde "fazem ações de sensibilização" porque é a partir daí que "começa a surgir o cansaço", "a tentativa de falar ao telemóvel" e a "angústia" de estarem a chegar à terra natal.

Pelas contas da GNR da Guarda, entre sexta-feira e segunda-feira, entram em Portugal, pela fronteira de Vilar Formoso, "cerca de 30 mil veículos de matrícula estrangeira, essencialmente emigrantes".

Segundo o coronel Cunha Rasteiro, comandante do Comando Territorial da GNR da Guarda, um dos picos de maior afluência de veículos ocorreu no sábado à tarde, com a entrada em território nacional de "500 a 600 veículos por hora".

Este ano [os emigrantes que viajam de carro para Portugal] vêm mais repartidos por força do início do mês [de agosto]que se inicia durante a semana", observou o militar.

A GNR está a entregar panfletos aos condutores com vários conselhos rodoviários como "não conduza sob o efeito do álcool", "conduzir em excesso de velocidade, não significa chegar mais cedo", "não se distraia com o telemóvel, a condução exige concentração" e "não realize manobras perigosas e circule pela direita".

A associação Cap Magellan está a promover a campanha de segurança rodoviária "Sécur'été - Verão em Portugal" em Vilar Formoso e nas fronteiras de Vila Verde da Raia e de Valença e de Monção.

Segundo a associação, a campanha que se dirige aos portugueses e lusodescendentes, residentes em França, que se deslocam de carro a Portugal durante as férias de verão, tem como principal objetivo "a redução do número de acidentes durante os trajetos longos e depois das saídas noturnas".