A GNR está a apurar as circunstâncias da morte de um homem de 32 anos, que foi encontrado hoje de madrugada na Estrada Nacional (EN) 18, na zona do Canhoso, na Covilhã.

“Um veículo atropelou uma pessoa que, ao que apurámos, já estaria deitada na via”, cerca da 01:15 de hoje, junto ao cruzamento de acesso ao Clube de Campo, disse à agência Lusa o capitão Tiago Pombo, do Comando Territorial de Castelo Branco da GNR.

Segundo Tiago Pombo, ainda “não foi possível apurar com certeza se a morte do senhor resultou do embate” dessa viatura.

“A condutora afirma que o senhor já estava deitado na via quando colidiu com ele”, contou, acrescentando que, só durante o inquérito, com o resultado da autópsia, “é que se irá perceber melhor a causa da morte”.

O homem residia no Canhoso.