A PSP do Porto apreendeu esta terça-feira cerca de “5.649 doses individuais de Liamba” e deteve três pessoas, numa operação de combate ao crime de tráfico de estupefacientes, anunciou em comunicado.

Aquela força policial referiu que além das mais de cinco mil doses individuais de Liamba, foram também apreendidos “65 pés” do mesmo estupefaciente, “100 vasos com plantas suspeitas de se tratarem de Liamba” e “sistemas de ventilação, iluminação e rega automática entre outros artigos relacionados com o cultivo de Liamba”.

A operação contemplou a realização de três buscas domiciliárias e uma busca não domiciliária, tendo sido detidos um homem e duas mulheres, com idades compreendidas entre os 28 e os 53 anos.

No mesmo dia, na baixa da cidade do Porto, foram ainda detidas dez pessoas, entre os 29 e os 62 anos, por suspeita de crime de contrafação, e apreendidos “766 artigos de vestuário desportivo entre outros objetos suspeitos de serem contrafeitos”.

Ao final da tarde, às 17:50, em Rio Tinto, Gondomar, foi detida ainda uma mulher, de 51 anos, no âmbito do “combate à prática de jogo de fortuna ou azar”, comunicou a PSP.

“Agentes do efetivo da Esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial da Divisão de Gondomar, no interior de um estabelecimento comercial, localizado na referida localidade e explorado pela comerciante, verificaram que ali se encontravam duas máquinas de jogo ilícito”, explicou.

A PSP acrescentou que já na noite de hoje, às 00:40, foi detido um homem, de 25 anos, por tráfico de estupefacientes, na praceta Jaime Cortesão, no Porto.

O suspeito, desempregado e residente no Porto, tinha em sua posse “cerca de 74 doses individuais de haxixe”, assim como “139 euros” que lhe foram apreendidos.