A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) doou, nesta segunda-feira, 1.200 quilos de carne de bovino congelada ao Zoo Santo Inácio, em Vila Nova de Gaia, no âmbito da sua política de sensibilização e responsabilidade social.

Fonte da Unidade Nacional de Operações da ASAE disse à agência Lusa que a carne de bovino agora doada tinha sido apreendida porque se encontrava com "falta de requisitos e data de durabilidade mínima" ultrapassada.

“Não havendo condições de garantia que a carne pudesse ser entregue para consumo humano e, efetuadas as diligências necessárias no sentido de se acautelar um destino para o produto apreendido, concluiu-se que o mesmo se encontrava passível de ser doado para alimentação animal”, referiu a fonte.

Em 2015, a ASAE doou bens apreendidos no montante de 302 mil euros, sendo que 64% desse valor se reportava a produtos alimentares. Em 2016, foram já efetuadas 10 doações que beneficiaram sete instituições de solidariedade social.

A ASAE “tem-se empenhado, no âmbito da responsabilidade social, na doação de bens e material apreendido, sensibilizando e desenvolvendo as diligências para a sua doação, em detrimento da sua destruição, garantindo sempre as condições dos produtos entregues”, afirmou ainda a fonte.