A GNR anunciou esta terça-feira ter recuperado artigos de elevado valor histórico e patrimonial, avaliados em cerca de 14 mil euros, que tinham sido furtados de uma residência, em Serpa, e identificado seis suspeitos do furto.

Dos artigos recuperados, que foram propriedade do Conde de Ficalho e são dos séculos XVIII e XIX, constam várias medalhas relativas a condecorações àquele conde e seu pai e punhais com cabos em marfim, precisa a GNR, num comunicado enviado à agência Lusa.

Segundo a GNR, os seis suspeitos da autoria do furto, com idades entre os 16 e 19 anos, foram constituídos arguidos e sujeitos à medida de coação de Termo de Identidade e Residência.

A recuperação dos artigos e a identificação dos suspeitos decorreu no âmbito de uma investigação da GNR, na sequência de uma denúncia apresentada e relativa ao furto no interior da residência, com arrombamento, em Serpa, de onde tinham sido furtados os artigos.

A investigação prossegue a cargo do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Moura da GNR.