Um incêndio num autocarro de transporte escolar provocou esta segunda-feira à tarde queimaduras nas mãos de duas crianças, na cidade da Ribeira Grande, ilha de São Miguel, disse fonte dos bombeiros.

O comandante dos Bombeiros Voluntários da Ribeira Grande, José Nuno, adiantou à Lusa que o alerta «foi dado pelas 15:32» locais (16:32 em Lisboa) e «o autocarro estava a sair da escola secundária».

«O incêndio, que poderá ter tido origem num boneco de peluche, provocou queimaduras nas mãos de duas crianças, enquanto outros dois alunos também foram transportadas para o centro de saúde porque estavam em estado de choque», segundo o comandante dos bombeiros, acrescentando que o incêndio «danificou seis bancos» do autocarro.

No combate ao incêndio estiveram um autotanque, duas ambulâncias, um pronto-socorro ligeiro e um pronto socorro médio e 12 bombeiros, acrescentou.

Também esta tarde, e segundo José Nuno, um pequeno incêndio deflagrou «no bar das piscinas municipais da Ribeira Grande», provocando «estragos em dois frigoríficos e parte da instalação elétrica» do espaço.