«É extremamente baixo para a quantidade de trabalho e a responsabilidade que temos. Atendemos pelo menos 30 pessoas por dia e mexemos em documentos e informação importante. É vergonhoso».




















«Numa altura em que muitos emigrantes pedem ajuda aos serviços sociais do consulado, são os próprios funcionários que estão na mesma situação».


Manifestação contra degradação do atendimento