A Linha Saúde 24 vai abrir dentro de dias um serviço de atendimento específico para a gripe, disse hoje à agência Lusa a sub-diretora geral da Saúde Graça Freitas.

A especialista em saúde pública, que participava num encontro de quadros do Ministério da Saúde, em Lisboa, defendeu o reforço da Linha Saúde 24, um serviço de aconselhamento telefónico (808242424) e anunciou que dentro de dias haverá um serviço específico para o atendimento de casos suspeitos de gripe.

Este serviço funcionará a partir de Coimbra e irá responder apenas a casos suspeitos de gripe.

Segundo Graça Freitas, a triagem pela Linha Saúde 24 «é fundamental», defendendo que os cidadãos que se sentem doentes não devem ir logo para os serviços de saúde, uma vez que podem ficar infetados com outros agentes que possam existir nas instituições.

A especialista recordou que se está na semana acima da linha de atividade basal e em franco período epidémico.

Sobre o aumento do número de mortos acima dos esperados, Graça Freitas disse que estes não se podem atribuir apenas à gripe, considerando que o frio contribuiu seguramente para a subida de casos na primeira semana.

«Quem não se vacinou ainda se pode vacinar, pois ainda vamos ter semanas de gripe», defendeu.