Doze carros ficaram danificados nesta madrugada e algumas árvores caíram na sequência de um fenómeno extremo de vento que afetou uma avenida de Albufeira, sem fazer vítimas, segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.

Fonte do CDOS de Faro adiantou à Lusa que o incidente ocorreu às 04:20 e afetou apenas a "avenida principal".

Foi uma coisa pontual, com ventos fortes que levaram à queda de várias árvores e de painéis de publicidade. Alguns carros que estavam estacionados na zona ficaram danificados”, disse.

A mesma fonte adiantou que, ao longo da noite, o CDOS teve de acorrer a algumas situações de inundações e quedas de árvores e estruturas, como painéis de publicidade, devido à chuva e vento forte.

As operações de socorro dos bombeiros já terminaram. Retirámos estruturas e árvores para desimpedir as vias. Agora a limpeza e retirada de equipamentos vão ficar a cargo do pessoal da câmara municipal”, disse.

No local, estiveram cinco veículos e nove operacionais.

Nos últimos meses têm-se registado no distrito de Faro alguns fenómenos extremos de vento e um tornado.

No início de março, a zona de Faro foi atingida por um tornado, que terá tido origem na Praia de Faro, tal como o fenómeno extremo de vento que afetou a cidade.

Os estragos do tornado foram registados também outros concelhos do litoral no sotavento algarvio: Olhão, Tavira, Castro Marim e Vila Real de Santo António.