A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) inspecionou na semana antes do Carnaval 195 estabelecimentos comerciais e instaurou 21 processos de contraordenação, segundo um comunicado divulgado esta sexta-feira.

A ASAE apreendeu ainda cerca de 750 artigos (entre fatos de carnaval de crianças e adultos, bijuterias, artigos pirotécnicos), num valor total que ronda os quatro mil euros.

Entre as principais infrações detetadas estão a colocação indevida da marca CE, a falta de tradução para português de rótulos ou embalagens, a falta de rotulagem e o desrespeito das regras do anúncio de venda com redução de preços.

As ações de fiscalização que ocorreram na semana antes do Carnaval foram direcionadas a lojas ou operadores que comercializam disfarces, máscaras e produtos ou brincadeiras carnavalescas.