Colónias de legionelas foram encontradas na água da torre de refrigeração da fábrica Euroresinas, em Sines. A empresa parou a laboração de imediato e implementou medidas corretivas.

«Nas análises efetuadas por rotina (27-11-2014) à água da torre de refrigeração da fábrica EURORESINAS, comunicadas ontem à empresa, foram detetadas colónias de Legionella spp. A fábrica procedeu à paragem imediata da laboração, informou as autoridades e implementou medidas corretivas», pode ler-se no comunicado da Câmara de Sines.

Esta quinta-feira, a Autoridade de Saúde do Alentejo Litoral e o Presidente da Câmara Municipal de Sines «deslocaram-se hoje às instalações, constataram a implementação das medidas adequadas e estão em permanente articulação com a empresa, o Médico do Trabalho, o Hospital do Litoral Alentejano e a Direção Geral de Saúde».

« Não há casos de doença a registar, estando a Autoridade de Saúde e o Médico do Trabalho a acompanhar a situação, especialmente nos próximos 15 dias».

Esta sexta-feira serão efetuadas novas análises e a situação será reavaliada.