A procuradora da República Leonor Furtado é a nova inspetora-geral das Atividades em Saúde (IGAS), foi anunciado esta quarta-feira.

A magistrada do Ministério Público substitui, no cargo, por escolha do ministro da Saúde e após concurso da Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (Cresap), o anterior inspetor-geral, José António Martins Coelho, entretanto aposentado.

Segundo nota à imprensa do Ministério da Saúde, desde a saída de Martins Coelho, estas funções estavam a ser desempenhadas em regime de substituição por Edite Correia, que regressa agora à condição de subinspetora-geral da referida instituição.

Leonor Furtado, de 56 anos, que foi presidente do Instituto de Reinserção Social e diretora-geral da Direção-Geral de Reinserção Social, de janeiro de 2006 a outubro de 2010, era atualmente auditora jurídica no Ministério do Ambiente.

A nova inspetora-geral das Atividades em Saúde foi também assessora sénior da Comissão Anticorrupção de Timor-Leste (2013-2014), procuradora-geral-adjunta do Tribunal de Contas, Secção Regional da Madeira, em 2013, e procuradora da República, no Tribunal Administrativo de Círculo de Lisboa, de outubro de 2010 a setembro 2013.