A escola básica D. Luís Mendonça Furtado, no Barreiro, anunciou esta quinta-feira que foram detetados "casos de doença de pele com possibilidade de contágio", mas garantiu que "não existe motivo para alarme".

"Informamos que foram detetados alguns casos de doença de pele, com possibilidade de contágio. Os casos pontuais estão a ser acompanhados e, de acordo com as indicações da Delegação de Saúde do Barreiro, não há motivo para alarme", refere um comunicado publicado no sítio do Agrupamento de Escolas do Barreiro.

A mensagem, assinada pela diretora do agrupamento, Felicidade Fragoso Alves, solicita que os encarregados de educação informem caso detetem alguma situação nos seus educandos.

"Solicita-se a todos os Encarregados de Educação que, caso detetem uma situação nos seus educandos, contactem um médico de modo a que seja prescrita a medicação adequada e informem o professor titular de turma/diretor de turma", concluiu.