A tempestade tropical Ophelia estava às 15:00 locais desta segunda-feira (mais uma hora em Lisboa) a 1.385 quilómetros dos Açores, informou o Centro de Previsão e Vigilância Meteorológica dos Açores do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo um comunicado disponibilizado na página do Facebook da delegação regional dos Açores do IPMA, àquela hora “o centro da tempestade tropical Ophelia localizava-se a 1.385 quilómetros a oeste/sudoeste dos Açores, com vento médio de 65 quilómetros/hora e rajadas da ordem dos 90 quilómetros/hora”.

O ciclone Ophelia está a deslocar-se para norte/nordeste a sete quilómetros/hora e a intensificar-se, podendo atingir a categoria de furacão nos próximos dias”, adianta a informação do Centro de Previsão Meteorológica dos Açores.

Contudo, ao longo de terça-feira “deverá deslocar-se para este/sudeste, pelo que deverá permanecer a sul da região pelo menos até sexta-feira”, não se prevendo, por isso, que “afete o estado do tempo nas ilhas nos próximos quatro dias”.

Este centro salienta, porém, que “devido a diferentes resultados dos modelos de previsão meteorológica, quer na intensidade quer na trajetória, a incerteza relativamente à previsão para o período superior a 96 horas permanece elevada”.