Cinco troços de estradas de acesso ao maciço central da Serra da Estrela estão cortadas devido à queda de neve. Era este o ponto da situação ao final da tarde.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda indicou à Lusa, pelas 17:50, que a circulação rodoviária está interrompida desde as 08:00 nos troços:

  • na Estrada Nacional (EN) 338 entre Piornos/Cruzamento da Torre
  • entre Cruzamento da Torre/Lagoa Comprida
  • na EN 338-1 entre Cruzamento da Torre/Torre

E, desde as 15:00:

  • os troços 1 e 2 Lagoa Comprida/Portela do Arão e Lagoa Comprida/Sabugueiro

Segundo o CDOS da Guarda, não há previsão para reabertura dos troços rodoviários que estão encerrados na Serra da Estrela.

O estado do tempo vai sofrer hoje de manhã um agravamento com a passagem de uma superfície frontal fria que vai causar chuva e vento forte, queda de neve e agitação marítima, segundo a meteorologista Cristina Simões.

De acordo com a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a frequência da chuva vai diminuir ao longo da tarde, prevendo-se apenas a ocorrência de alguns aguaceiros.

"De salientar também a queda de neve a começar nos pontos mais altos da Serra da Estrela durante a manhã acima de 1.400 metros, descendo a quota para os 600/800 no Norte e Centro. Vamos ter também vento forte de sudoeste com rajadas de 70 quilómetros por hora, sendo de 90 nas terras altas, mas diminuindo de intensidade para a tarde", salientou.