O volume de concursos de obras públicas promovidos atingiu no primeiro semestre o valor mais elevado desde 2011 e mais do que duplicou em comparação com os primeiros seis meses do ano passado.

Em termos monetários, os concursos alcançaram os 1.480 milhões de euros, segundo o Barómetro das Obras Públicas da Associação dos Industriais de Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

O total de concursos de empreitadas de obras públicas promovidos, ou seja, objeto de abertura de procedimento e respetivo anúncio em Diário da República, aumentou 103% até junho, para 1.480 milhões de euros, contra os 729 milhões de euros do mesmo período do ano passado.

No período, o volume total de contratos celebrados e reportados no Observatório das Obras Públicas situou-se nos 522 milhões de euros, mais 80% que no mesmo período de 2016.