No Reino Unido, uma mulher de 25 anos foi detida esta quarta-feira por suspeitas de envolvimento em ações terroristas relacionadas com o conflito sírio.

A jovem, cuja identidade não foi divulgada, foi detida no condado de Bedfordshire, a norte de Londres, pelas autoridades de Scotland Yard, e foi transferida para uma esquadra na capital inglesa para ser interrogada.

Em paralelo, os agentes procuram evidências relacionadas com a investigação em duas residências em Bedforshire.

Tem-se verificado um aumento significativo de jovens muçulmanos a viajar para a Síria para se juntarem aos jihadistas. A última estimativa indica que já são mais de 500 os britânicos a lutar nas fileiras do Estado Islâmico.

O governo de David Cameron tem tentado combater este aumento com medidas preventivas como o confisco do passaporte de jihadistas que procuram regressar ao Reino Unido e, nos casos de cidadãos com dupla nacionalidade, a perda da identidade britânica.