A Comissão Política Nacional do novo presidente do PSD, Rui Rio, foi hoje eleita com 64,7% dos votos, disseram à agência Lusa fontes sociais-democratas.

Segundo as mesmas fontes, a lista de Rui Rio foi eleita com 476 votos favoráveis, 190 brancos e 69 nulos. Registaram-se 735 votantes.

Há dois anos, a Comissão Política Nacional de Pedro Passos Coelho tinha tido 79,8% dos votos, o pior resultado da sua direção para este órgão.

Pior só Menezes

Apenas Luís Filipe Menezes, em 2007, com 61,8%, teve uma votação mais baixa do que Rui Rio para a sua Comissão Política Nacional.

O PSD mudou os estatutos e adotou as eleições diretas em 2006, deixando de escolher o líder em congresso. Na reunião magna continuam a ser eleitos os órgãos nacionais como a Comissão Política Nacional.

A lista da Comissão Política de Rui Rio teve este domingo, 64,7% dos votos, com cerca de um terço de votos brancos e nulos.

No primeiro congresso com as novas regras, em 2006, a direção de Luís Marques Mendes foi eleita com 74% dos votos.

No congresso seguinte, em 2007, quando Marques Mendes perdeu para Luís Filipe Menezes, a lista do ex-autarca de Gaia conseguiu 61,8% dos votos dos delegados.

Em 2008, Manuela Ferreira Leite, que venceu nas diretas Pedro Passos Coelho, Pedro Santana Lopes e Patinha Antão, conseguiu fazer eleger a sua Comissão Política com 65,8%.

Dois anos depois, em 2010, Pedro Passos Coelho disputou a liderança com Paulo Rangel, José Pedro Aguiar Branco e Castanheira Barros e a sua Comissão Política foi eleita em congresso com 87,2% dos votos.

Em 2012, 2014 e 2016, anos em que Passos Coelho não teve adversários nas diretas, as suas comissões políticas foram eleitas com 88%, 85% e 79,8% dos votos, respetivamente.

"Já aconteceu anteriormente"

Reagindo aos resultados conseguidos por Rui Rio para a Comissão Política do PSD, o ex-candidato à liderança Santana Lopes desvalorizou os números, achando que "também já aconteceu anteriormente".

São quase dois terços dos votos. Acho que é bom. Se fossemos traduzir os votos das diretas, imagine que quem me apoiou votava em branco. Rui Rio teve mais votos aqui para a comissão política do que teve nas diretas", teorizou.

Santana Lopes pede assim que se pense positivo, que aquilo que ele próprio faz, recusando que estes resultados sejam um problema.

Vou participar ativamente na vida do partido. Como disse na noite das diretas, desta vez não vou andar por aí, vou andar por aqui", prometeu.

 

COMISSÃO POLÍTICA NACIONAL:

Presidente: Rui Rio

Vice-presidentes:

David Justino

Elina Fraga

Isabel Meireles

Manuel Castro de Almeida

Nuno Morais Sarmento

Salvador Malheiro

Secretário-geral: Feliciano Barreiras Duarte