A proposta de Plano Anual do Governo para 2009 prevê um aumento do investimento público nos Açores de 70 milhões de euros, cerca de 10 por cento a mais do que em 2008, como forma de combate à crise financeira, refere a Lusa.

Os números foram revelados esta tarde pelo vice-presidente do Governo, Sérgio Ávila, à saída de uma audiência com o presidente da Assembleia Legislativa dos Açores, na cidade da Horta, para entrega formal das propostas de Plano e Orçamento para 2009 e das Orientações de Médio Prazo (2009-2012).

Segundo explicou, a proposta de Plano de Investimentos para este ano ascende a 761 milhões de euros, embora só 483 milhões sejam da responsabilidade directa do executivo açoriano.

O governante adiantou que além de um aumento de 10% em termos de investimentos, o Plano para 2009 contempla também um aumento das transferências do Orçamento de Estado, um aumento das receitas dos fundos comunitários e um aumento de transferências para o Serviço Regional de Saúde.

Por outro lado, as propostas de investimento do executivo, que serão agora submetidas à apreciação dos deputados, prevêem uma redução da carga fiscal para as empresas e famílias e uma redução das despesas de funcionamento da Administração Pública Regional.