O ministro da Economia, Manuel Pinho, disse esta quinta-feira que vai apresentar novas medidas de apoio às empresas, sobretudo PME, esta tarde no Porto.

«A PME Consolida vai dar apoio a nível de reforço de capitais próprios, para ajudar, por exemplo, na consolidação das empresas ou em fusões e aquisições. São 400 milhões ao dispor das nossas empresas, mas com grande foco nas PME», afirmou numa conferência sobre inovação, organizada pela Winproductions.

«Vão ser lançados três produtos que espero que cubram as necessidades das empresas», acrescentou.

Quanto aos outros dois, o ministro falava acerca dos já conhecidos PME Invest e PME Segura (seguros dos créditos).

«Fica fechada uma falha de mercado que resulta dos problemas de financiamento», terminou.