Depois da renúncia de ontem dos administradores da Papelaria Fernandes, agora é a vez da demissão dos membros do conselho fiscal da empresa.

«Em cartas dirigidas ao presidente da mesa da assembleia-geral, datadas de ontem e recebidas em mão hoje, o presidente do conselho fiscal, Rui Gonçalves de Ascenção e o vogal suplente do mesmo órgão, Luís Esteves Afonso, apresentaram a sua renúncia aos respectivos cargos, invocando para o efeito motivos pessoais», revela em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Administradores da Papelaria Fernandes demitem-se

As acções da empresa seguem inalteradas nos 2,66 euros.