O Departamento do Tesouro dos Estados anunciou na passada terça-feira que entregou mais 284,7 mil milhões de dólares (225 mil milhões de euros) a 22 bancos, como parte do plano de resgate dos activos tóxicos de 700 mil milhões de dólares (553,5 mil milhões) do Governo norte-americano.

Segundo a Lusa, o Governo norte-americano está a comprar acções preferenciais (que dão prioridade aos seus detentores no pagamento de dividendos e na eventualidade de uma liquidação) nos bancos, de forma a equilibrar os balanços dos exercícios destas instituições, na esperança de que, deste modo, retomem a realização normal de empréstimos.

Com estes últimos pagamentos, o Governo dos EUA já gastou 197 mil milhões da segunda tranche do plano.