O Governo aprovou esta quinta-feira em Conselho de Ministros a criação de uma reunião de coordenação dos assuntos económicos e do investimento. Quinzenalmente, vários membros do Governo, com responsabilidades no relançamento da economia e no investimento, vão juntar-se à volta da mesma mesa.

O anúncio foi feito pelo ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares, Luís Marques Guedes, na conferência de imprensa que se seguiu à reunião.

A entidade, que se reunirá quinzenalmente, será presidida pelo vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, e englobará ministros e secretários de Estado de diferentes áreas, ligados «às áreas económicas e do investimento».

Os governantes irão reunir-se para debater, «facilitar» e «desbloquear» questões ligadas ao investimento. O Conselho de Ministros também vai focar-se, uma vez a cada dois meses, no relançamento do investimento e da economia.

«O que se pretende nesta fase é criar mecanismos adequados ao nível político» para que membros do Governo «possam permanentemente identificar» situações que mereçam atenção ao nível do investimento económico e agir «de forma rápida e eficaz» para a sua concretização, referiu Marques Guedes.